domingo, 30 de novembro de 2014

Os Lírios (30 do Lenormand)



"Considerai como crescem os lírios do campo: eles não trabalham nem fiam, contudo vos digo que nem Salomão, em toda a sua glória se vestiu como um deles" (Mateus 6:24-23)

Realmente, os lírios, são flores belíssimas! Nos transmitem paz, exala um aroma delicioso, e possuem uma grande resistência. 
Os lírios são flores da familia Liliaceae, do gênero Lilium; são plantas nativas do Hemisfério Norte [existem mais de 100 espécies deles]. Algumas espécies da mesma família encontramos aqui no nosso hemisfério com o nome de açucena. Na China representam o amor eterno e também a abundância. São plantas que chegam a atingir 1,50m a 2,00m. Sua resistência se dá ao fato de acumularem muita água em seus caules e depois distribuí-las em doses para sustentabilidade da flor.
Por diversos atributos benéficos, os lírios são citados em vários textos antigos espirituais - Cristãos, Agnósticos, Hindus, Egípcios, etc. Sempre considerados como reflexo do 'divino' na natureza materializada, por sua beleza e diversidade.
Os Lírios funcionam biologicamente de forma extremamente equilibrada; os extremos - de irrigação, Luz, poda e colheita, podem causar danos a eles. Vejam como cuidar do seu lírio: [Aqui.]
No baralho lenormand, os lírios vem representado por uma carta de côrte, o Rei de Espadas. E esse simbolismo tem tudo a ver com algumas nações da Europa, onde a realeza era representada por lírios, e isso também nos remete a uma carta de Poder e Autoridade.


(Brasão de Armas da Casa Real Francesa)


Na leitura interpretativa do baralho, os lírios representam o momento de paz, tranquilidade, pureza e até mesmo de resistência no momento do consulente. Por ser uma planta que simbolicamente pode representar a 'balança da natureza', esta carta pode também estar envolvida em interpretações que nos remetam a Justiça. 
Os lírios também eram usados por algumas famílias ciganas eslavas para confecção de porções 'mágicas' associadas aos desejos carnais - libido e paixões. É a flor que se encontra também na icnografia do Arcanjo Gabriel - mensageiro de Deus, como portador da boas novas e fertilidade. 

E falando em fertilidade, cabe salientar que esta flor, apesar de se reproduzir de forma sexuada, ela contêm os dois órgãos reprodutores em si mesma, e se proliferam por angiospermas - uma única flor produz sementes que darão origem a outros lírios. [Observem o contexto do hermafrodismo implícito aí].
Geralmente à primeira vista, consideramos os lírios uma flor delicada; mas ela é muito forte! Sua beleza e delicadeza podem ser interpretados simbolicamente como uma forma de lidar com as questões de maneira diplomática, onde a razão e a paz devem ser prioridades para a resolução das questões, sem uso da força bruta.
Os lírios no caminho profissional podem representar elogios e agradecimentos por um bom profissionalismo, que antecedem uma provável promoção.
Na saúde, os lírios representam a resistência as doenças e até mesmo a tratamentos recebidos de modo frequente e equilibrado, para que a biologia se mantenham firme e forte.
No amor, os lírios podem representar a harmonia do casal ou do indivíduo com seu próprio lado emocional; ou até mesmo a auto-compensação diante de uma possível solidão. Levando em conta os aspectos líbicos, vemos no lírio uma conotação de desejos carnais muito forte e quiçá de maneira individualista, quando o prazer está acima da entrega emocional.
Financeiramente, os lírios podem  representar o equilíbrio material e até mesmo o 'poder' atribuído a posses.
É uma carta que, a princípio, de maneira geral, me remete a necessidade de que o consulente precise se valorizar, elevar sua auto estima e manter-se se forma equilibrada, sem exageros.

Vamos liriar(sic) nosso dia!  


Hoje não quero reflexões, quero ações! Comprem um lírio e/ou açucena em uma floricultura perto de sua casa e contemple-o.

Nenhum comentário:

Postar um comentário