terça-feira, 9 de novembro de 2010

Oração de Francisco de Assis - Trad.Italiano Arcaico


PAI CELESTIAL.
Fazei com que eu seja
um instrumento de tua Luz.

Que eu leve a fé onde medrar a dúvida.
Que eu semeie a alegria onde reinar tristezas.
Que eu proclame a verdade onde prevalecer o erro.
Que eu acenda uma luz onde imperar as trevas.

Que eu console,
mais do que eu possa ser consolado.
Que eu compreenda,
mais do que eu possa ser compreendido.
Que eu ame,
mais do possa ser amado.

Porque é perdoando que alcançamos o perdão,
é oferecendo que alcançamos a dádiva,
é morrendo que renascemos
no eterno ciclo da vida.

(Tradução de Maria Angela Zuccherelli Conte)
Ext. Pitágoras - Magia e Ciência na Antiga Grécia- Edt. Madras

Nenhum comentário:

Postar um comentário